Um Filme Por Semana #6 – A Teoria de Tudo

Oiii minha gente!

Estou voltando com Um Filme Por Semana com o melhor filme que vi este ano: A Teoria de Tudo!

A-TEORIA-DE-TUDO-

Sinopse: Baseado na biografia de Stephen Hawking, o filme mostra como o jovem astrofísico (Eddie Redmayne) fez descobertas importantes sobre o tempo, além de retratar o seu romance com a aluna de Cambridge Jane Wide (Felicity Jones) e a descoberta de uma doença motora degenerativa quando tinha apenas 21 anos.

Stephen Hawking todo mundo conhece. Todos sabem que é um homem com uma doença motora, que anda de cadeira de rodas e fala por meio de um computador. Mas alguém já tinha ouvido falar em Jane Hawking? Os mais leigos – como eu – sabiam como Stephen chegou profissionalmente onde está? Você sabia que por trás da deformidade de seu corpo, havia um homem bem humorado e uma grande história de amor?

a-teoria-de-tudo-2

Eu não sabia, e que feliz surpresa descobrir tudo isso num filme cheio de emoção e leveza. O filme tinha tudo para ser puro drama, mas você só sente amor apesar de todas as dificuldades. Me sinto fã de Jane Hawking, porque mesmo sabendo o que iria enfrentar, foi forte o suficiente em nome de seu amor. Ela se casou e decidiu tomar todas as responsabilidades que viriam com esta decisão. Os médicos deram 2 anos de vida para Stephen. Eu nem preciso dizer que esses anos se multiplicaram, pois ele vive até hoje. E além de cuidar de seu marido, Jane ainda cuidou de seus filhos praticamente sozinha. Não vou me ater somente a Jane, se você está pensando, mas eu precisava registrar minha admiração. A atriz, Felicity Jones, fez um ótimo trabalho interpretando-a.

Mas se eu for falar em ótima atuação, eu preciso dar todos os créditos a Eddie Redmayne. O trabalho dele foi simplesmente impecável. Ele mereceu o Oscar 2015 de melhor ator, e merecia mais. O interessante é que até o próprio Stephen Hawking – em um e-mail para o diretor sobre a interpretação de Eddie – falou que houve momentos em que pensou estar assistindo a si próprio.

A fotografia do filme também foi maravilhosa. Um destaque especial para o momento do casamento, onde a cena foi tratada para parecer um vídeo caseiro, deixou tudo mais emocionante e lindo ainda.

 A parte científica do filme é mostrada de forma simples para que possamos entender. Fiquei encantada com a inteligência desse homem. Mas não foi só a inteligência que me chamou atenção, o que eu fiquei mais emocionada foi ver como ele sempre, apesar de tudo, estava com um sorriso no rosto.

Bem, eu poderia fazer mais textos sobre como me encantei com o filme e com a vida de Jane e Stephen Hawking, mas acho que esse post já está grande demais. Só digo mais uma coisa: assista!

5/5 Estrelas

 Beijinhos!

Anúncios

3 comentários sobre “Um Filme Por Semana #6 – A Teoria de Tudo

Deixe uma mensagem! ♥

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s